Santa Catarina tem queda de 52,8% no total de casos ativos de covid-19 em 8 semanas

Escrito por em janeiro 28, 2021

Precisamente há 8 semanas, Santa Catarina registrava o número mais alto de casos ativos de coronavírus em toda a pandemia: eram mais de 33 mil em 2 de dezembro. Desde então, a queda no total de pacientes em tratamento contra a covid-19 é de 52,8%. Em algumas regiões, como no Sul do Estado, alcança 79,5% nesta quarta-feira, 27, quando Santa Catarina registra 15.588 pessoas ainda com o vírus. Os movimentos coincidem com os resultados apontados pelo novo mapa de risco, divulgado pela Defesa Civil na tarde desta quarta-feira, que pela primeira vez desde novembro apresenta uma região em amarelo.

A redução dos casos ativos também reflete na situação mais confortável dos leitos de terapia intensiva (UTI) dos hospitais que atendem pelo Sistema Único de Saúde em algumas regiões. A taxa geral de ocupação das UTIs é de 76,1%, umas das mais baixas desde a segunda quinzena de novembro. Ainda assim, há regiões, como Norte e Oeste, onde permanecem acima de 90%, e o número de óbitos segue elevado elevado em Santa Catarina.

Nesta quarta-feira, a Secretaria de Estado da Saúde confirmou novas 25 mortes. Apenas desde o último domingo ocorreram 78 em SC. A semana passada registrou a ocorrência de 227 óbitos, média diária de 32. A quantidade se mantém acima de 200 por semana desde 22 de novembro. O pico foi registrado na semana de 13 a 19 de dezembro, com 355 mortes, média de 50 por dia.

Das 6 grandes regiões de Santa Catarina, a maior queda registrada no total de casos ativos nas últimas oito semanas foi no Sul: 79,55%. Em seguida, estão Serra (63,7%), Vale do Itajaí (59,4%), Grande Florianópolis (40,6%), Norte (27,8%) e Oeste (23,62%).

Nos últimos 15 dias, 5 regiões registram queda gradativa no total de infectados ativos. A exceção é a Grande Florianópolis, que registra estabilidade (há crescimento, mas inferior a 1% no período).

Em todo o Estado, apenas 16 cidades não registram casos ativos de coronavírus. A maioria dos pacientes em tratamento contra a covid-19 nesta quarta-feira está concentrada no Vale do Itajaí, no Norte do Estado e na Grande Florianópolis.

Redução de casos ativos reflete na ocupação dos hospitais

Com a queda no total de pacientes em tratamento contra a covid-19 em SC, a ocupação geral dos leitos de UTI dos hospitais que atendem pelo SUS, que considera leitos adultos, pediátricos e neonatais, também tem registrado redução em SC. Nesta quarta-feira, está em 76,1%.

No entanto, Oeste, Planalto Norte, Meio-Oeste e Serra apresentam índices acima da média estadual. No Oeste, chega a 91,9% de ocupação. No Norte, é de 91,1%. Mas apenas os leitos adultos das duas regiões chegam próximo de 94% de lotação.

Ocupação por região de leitos do SUS (adultos, pediátricos e neonatais)

Oeste: 91,9%

Planalto Norte: 91,1%

Meio-Oeste e Serra: 79%

Grande Florianópolis: 71,2%

Vale do Itajaí: 70,7%

Foz do Rio Itajaí: 68,3%

Sul: 59,4%

Tagged as

Ao Vivo

Rádio Alvorada

Current track
TITLE
ARTIST