Após denúncias, diretor da Caixa é encontrado morto na sede do banco em Brasília

Escrito por em julho 20, 2022

QUER RECEBER NOTÍCIAS EM SEU WHATSAPP?

CLIQUE AQUI

O Diretor de DECOI (Controles Internos e Integridade) da Caixa Econômica Federal, Sérgio Ricardo Faustino Batista, de 54 anos, foi encontrado morto no edifício-sede do banco, na noite desta terça-feira (19). O corpo de Sérgio foi localizado na área externa do prédio por vigilantes de plantão. O caso inicialmente foi registrado como suicídio.

A ocorrência foi registrada pela Polícia Civil do Distrito Federal e comunicada à Polícia Federal, e segue investigando o caso.

O destaque principal é que Sérgio Faustino Batista tinha relação direta com o recente escândalo sexual que ocorreu na Caixa Econômica, onde o presidente da instituição, Pedro Guimarães, foi denunciado por assediar sexualmente funcionárias do banco.

Sérgio era responsável pela diretoria designada para receber e acompanhar as denúncias feitas por funcionários nos canais internos do banco, a falta de ações sobre o problema também estaria vinculada a ele.

Após as acusações, a Caixa admitiu que denúncias de assédio foram apresentadas e o DECOI seria o setor responsável por investigar a situação.

O diretor continuou no cargo mesmo após a demissão de Pedro Guimarães, que nega as acusações. Sérgio era funcionário de carreira da Caixa e entrou para o banco em 1989. Anteriormente havia feito parte da equipe que assessorava o gabinete do ex-presidente.

A Caixa Econômica manifestou “profundo pesar pelo falecimento do empregado”, e disse que colabora com as investigações.

“Nossos sinceros sentimentos aos amigos e familiares, aos quais estamos prestando total apoio e acolhimento. O banco contribui com as apurações para confirmar as causas do ocorrido”, diz o texto.

Fonte: Noticia Hoje

Siga nossas redes sociais: INSTAGRAMFACEBOOK

 


Ao Vivo

Rádio Alvorada

Current track
TITLE
ARTIST